Gordura localizada: criolipólise ou lipoaspiração?

É importante conhecer as diferenças de cada método e qual o melhor se adequa ao tipo de corpo, organismo e objetivo

  • Comente agora

Na hora de eliminar aquela incômoda gordurinha, é preciso saber e conhecer os procedimentos adequados para cada biotipo e finalidade

Uma dúvida que ronda a cabeça das mulheres. O que fazer, criolipólise ou lipoaspiração? O objetivo geralmente é o mesmo. Eliminar aquelas incômodas gordurinhas que enlouquecem qualquer pessoa. Para isso é importante conhecer as diferenças de cada método e qual o melhor se adequa ao tipo de corpo, organismo e objetivo.

A lipoaspiração é um método cirúrgico e invasivo que baseia-se na aspiração da gordura localizada por meio de uma cânula (tubo). Para a realização do procedimento é necessário aplicar anestesia, seja local, geral ou peridural. Diferente da criolipólise, que é um tratamento sem intervenção e indolor, que consiste no congelamento da célula de gordura. Esta sofre um processo de cristalização, no qual as células adiposas são destruídas e posteriormente eliminadas pelo sistema imunológico, via sistema linfático. As sessões duram cerca de 1h, de acordo com cada caso. Os resultados são notáveis a partir de 30, 40 dias. A técnica elimina até 30% de gordura localizada em apenas uma sessão e pode ser aplicada no abdômen, flancos, costas, coxas e braços. O tempo de intervalo para uma nova ação no mesmo local é de 60 dias.

Para o consultor e diretor da Criolipólise Brasil, Valter Camello Júnior, a criolipólise é a melhor alternativa para quem deseja eliminar gordura localizada, além do resultado rápido e eficaz. “Por ser um método simples, que não precisa de cirurgia, o tratamento é seguro e bastante eficiente. Vejo que a procura pelo tratamento tem aumentado cada vez mais. Até os homens estão buscando as clínicas de estética. Quem faz, não se arrepende’’, comenta.

Ainda segundo Júnior, a técnica não é indicada para pessoas obesas, pois é um tratamento especialmente para gordura localizada. “A criolipólise pode ser aplicada no abdômen e no dorso, o famoso pneuzinho. O paciente obeso deve procurar outras formas de emagrecimento, como a cirurgia bariátrica, exercícios físicos e dieta. Vale lembrar também que a criolipólise é um procedimento estético que reduz medidas e não o peso do paciente, portanto deve-se estar ciente. É importante ressaltar que seja qual for o tratamento estético e cirúrgico é sempre necessário o acompanhamento de um profissional da saúde’’, conclui.

Sobre: A Criolipólise Brasil é uma empresa de locação de equipamentos estéticos e também oferece consultoria estética para clínicas e profissionais autônomos. Entre suas máquinas estão a Power Shape, I-Lipo, Light Sheer - Depilação a Laser, Etherea - Luz Pulsada, Coolshaping e Asgard Criolipólise (lançamento). Há três anos no mercado, a Criolipólise Brasil, com sede em Ribeirão Preto, busca excelência no atendimento e expansão no mercado.

0 comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor: